Pesquisar este blog

Seres estranhos

 Os edifícios das grandes corporações 

eram vistos em quatro dimensões,

uma nave foi vista se aproximando

e desceu no quintal,

um soldado armado apontou para o homem da casa

que o atacou para se defender,

vi que o soldado era impalpável

e foi aquecendo o homem e incorporando 

a ele em forma de energia.

O homem tinha olhos de reflexo de espelho ao sol. 

Nunes 


Homem morto

 

Homem morto

 Me disseram que estão me procurando.

Olhe para o pó da estrada

e vê se me encontra,

o que fui está morto

e se misturou com a poeira do caminho.

Eu poderia ter amanhecido morto

mas ainda estou vivo,

e nosso recomeçar onde parei.

Eu poderia ter amanhecido morto

e renascido em outra vida,

com dessa vez, 

onde não sobraria vestígio do que fui nessa vida,

mas de todo modo estou morto.

Nunes 

Forasteiro em qualquer lugar

 Eu estou no mundo e sou

Forasteiro em qualquer lugar,

posso passar os limites da cidade

as fronteiras do país,

os limites do céus e dos infernos

ainda assim serei forasteiro em qualquer lugar,

posso andar como meus próprios pés,

posso transcender as estrelas,

posso pisar em um planeta distante

ainda assim serei forasteiros

em qualquer lugar.

Eu quis me prender em seus braços,

eu até quis  pertencer a esse lugar,

mas fui rejeitado pelo meu povo...

Logo eu que nunca quis pertencer!

isso só me fez procurar meu destino 

que é ser forasteiro em qualquer lugar. 

Pertenço a lugar nem um e ao todo 

e sou nada, e por isso tudo

não sou mais que um forasteiro em qualquer lugar.  

Nunes


Fachadas teóricas

 Se for o caso,

posso até pensar como o inimigo

para posso conhecê-lo e vencê-lo,

porém jamais sentirei como ele sente.

O pensamento pode ser separado dos sentimentos

e serem classificados, friamente, apenas como apenas terias,

porém, nunca se deixe enganar pelas fachadas teóricas.

O pensamento pode ser manipulado segundo os nossos caprichos,

no entanto a essência e o sentimento puro que dela nasce

chamais pode ser manipulado com teorias. 


Nunes 

Comunhão de Ideias

 

O homem está no mundo para lutar 

contra sua própria natureza,

e controlar a natureza exterior, 

não mais que o suficiente 

para que possa existir e sobreviver.

O homem está no mundo para olhar com diferença

esse, ou aquele sistema que vive dessa dualidade;

um olhar além do bem e do mal sobre o sistema

é um olhar que vê a necessidade de dualidade no mundo

para que justifique esse ou aquele sistema. 

Uma relativa comunhão de ideia destrói esse e aquele sistema. 

O homem é cego no mundo

quando ele é engrenagem de qualquer sistema,

a consciência de existir no mundo sem fazer

parte de uma máquina social

dá ao homem solitude, integridade e espírito livre. 

A história está nas engrenagens dessa máquina dualista

que faz a causa e efeito, e isso é tudo. 

Esse homem de solitude passou pelo balcão do hotel

no momento em que a rua foi tomada por protesto;

passou por ele tão indiferente quando um pássaro

sobrevoando essa multidão. 

Nunes 

Comunhão


Tudo que há no silêncio é som,

tudo que há na mente 

em silêncio é som.


Tudo que há no corpo

é som, espaço e tempo,

tudo que há na mente é ruminação

no passado e no futuro.


As teorias cegas , essas vozes loucas 

estão dentro de um tempo e um espaço

desrespeitando às leis cósmicas.

Há responsabilidade pelo que se fala,

a voz corresponde á ação. 


A consciência no silêncio do eterna agora

desconhece tempo, forma e espaço,

é comunhão com Deus.  

Nunes


  


Fora do alvo

 









Fora do alvo 

Fora do alvo

se está a salvo,

se corre solto,

se voa alto,

se desce fundo,

se pensa amplo,

se mata por dentro,

se espalha e foge,

se corre em curvas...

em um campo aberto

o inimigo cai no engano...

Sou pólen ao vento. 

Nunes 

Se é pecado

 Se é pecado, se é um erro

não cabe a mim julgar pelos outros...

as consequências dos atos é que dirão;

creditando ou não. 


Há duas alternativas para justificarmos 

os nossos erros condenados pelas religiões:

ou Deus não existe,

ou Deus é moldável segundo nossas paixões.

A religião sempre ficará com a opção 

 de um Deus relativista e moldável. 

Nunes 

Sentimento bom

 



Sentimento bom

Lembre-se de respirar

encher o peito de ar e sentimentos bons

e a mente pensamentos puros. 


Um sentimento bom

é rio que corre na paisagem,

é sol de todas as manhãs,

é correnteza do bem e do amor.


O sentimento bom

é alimentado por pensamentos

e atitudes que brotam de virtudes 

nascidas do coração tranquilo

e da alma entregue ao supremo bem.


Inale com a brisa da manhã

pensamentos bons que desabrocharam em amor e coragem.

Alimente seu interior apenas com sentimentos bons

e pensamentos bons; 

lembre se de que descartamos o que não é bom,

estão, porque trazer para o seu interior o lixo descartado no mundo.

Nunes  

Presença

 

Sem lembrar de ti

caída no esquecimento,

senti teu cheiro vindo ao sabor do vento,

ou exalado de um pensamento,

nesse engano fui até o portão

que nada diz da tua presença,

olhei para os dois lados da estrada

que nada diz de passos deixados...

Ouvi sua voz que viaja além do tempo e do espaço...

fui até o portão que nada diz de sua presença

e a estrada também nada diz de seus passos. 

Nunes 



Luz de Abajur



Luz de Abajur 


Daquela vez eu está mal,

daquela vez eu estava perdido,

daquela vez eu não sabia o que queria,

dessa vez eu também estou perdido,

dessa vez eu também não sei o que quero,

mas tanto faz, tudo vira poesia 

no meu quarto a luz de um abajur

que é tudo que ficou.


Não importa que decisão eu tome,

não importa para onde eu vá,

tudo vira poesia,

tanto faz ficar ou partir,

tanto faz falar ou silenciar,

tanto faz rir ou chorar,

no fundo, tudo vira versos nas gavetas...

Nunes 

Luna

 





Luna

Luna, como o nome diz é bela,

mas, a Luna que conhecemos da rua e da noite

não é mais a mesma...

Luna foi embora em uma noite triste.

A Luna percebeu que ninguém a ouvia,

ninguém a respeitava, ninguém a reconhecia,

Luna não tinha autoridade, 

ninguém lhe tava crédito, 

apesar de muitos a querer...

Luna era artista sem palco. 

A Luna que nós conhecemos foi embora em uma noite triste,

ela é agora uma mulher estudada,

mora em uma cidade grande,

porém Luna é agora misteriosa;

mede as palavras, desistiu de falar, 

apenas nos ouve e com seus olhos nos devora por dentro.

Agora é Luna quem dá as cartas...

Nunes 

Sujeito Crítico

 Sujeito crítico 

é aquele que critica 

o que os defensores do sujeito crítico 

manda criticar.

O sujeito crítico é um militante, 

um defensor dos defensores do sujeito crítico.

Nunes 

O forasteiro

 O homem passou pelo posto de gasolina

deu bom dia e obrigado ao frentista,

o homem era elegante, discreto e educado.

O carro pegou a estrada rumo ao sul,

porém ninguém sabe  quanto mistério

esconde aquele olhos profundos 

e aquela postura elegante e educada.

Isso é tudo o que se viu e se sabe 

daquele homem que ligou o carro

e foi para o sul.

No futuro saberão quem é aquele forasteiro 

que passou pela cidade! 

Nunes 

O salário do pecado é a morte.

 O Mal não é louvado apenas em símbolos

e grandes templos do mal,

o Mal é sorrateiro e dissimulado;

 vive nas atitudes que praticamos,  

defendemos, dignificamos e santificamos.


o Mal está nas sutilezas das palavras e nas doutrinas 

que sutilmente defendem o pecado.

O salário do pecado é a morte. 


Nunca, em qualquer circunstancia, 

podemos pronunciar a favor no pecado;

o mal está nas sombras dessas sutilezas do Mal.

 

A doutrina do BEM SUPREMO

é a morte radical do pecado.

Nunes 

Antimatéria

 


Antimatéria

Narciso se viu refletido na água,

se viu porque existe um corpo

e um meio no  qual essa matéria é refletida.

Narciso morreu afogado por sua vaidade,

depois de morto o espírito de Narciso

viu o corpo de Narciso morto a beira do lago.

O espírito não estava refletido no lago,

o espirito habita um outro plano,

e existe feito uma antimatéria do corpo. 

A ideia é a antimatéria da matéria,

a ideia tem materialidade no plano das ideias

e se materializa nesse plano da matéria. 

A ideia é a imagem da antimatéria

refletida no plano físico. 

Nunes