Pesquisar este blog

Íntimo

Tudo que eu quero é silêncio,
A vida me obrigou a estar na multidão,
A sina me fez ser outro que nunca quis ser...

Estou de volta para o meu silêncio,
Me sinto bem e em paz
Quando estou comigo,
Quando estou com um amigo
Que fala essa língua de silêncio.

Eu menti para mim mesmo
Quando eu disse que gostava de pessoas,
Elas são muito frívolas no que dizem...
Eu prefiro que elas nem falem...
Eu aconselho que elas se preservem.

Essa empatia é tão contra minha vontade,
Que muitas vezes fujo do contato de gente.
Não gosto que se aproximem muito,
Não gosto que me peguem,
Não gosto de invasão no meu mundo.
Gosto de preservação,
De reservas e de intimidade com minha alma.

Eu serei a cada momento,
Mais e mais íntimo comigo mesmo....
Se aproximarem de mim, por favor
Tragam a alma desabrochadas em flores,
E o coração perto de Deus.

Nunes 

   

Outra Vida



Outra Vida

Pensei a vida sozinho,
Entre mulheres da vida,
Gente desacreditada pelo sistema,
Desvalidos e bêbados...
Pensei a vida
Em ônibus de cidades em cidades,
Olhando pela janela,
Essas paisagens desse país gigantesco,
E por  fim morrer, não muito velho,
Em um dos muitos quartos de pensão.

Acabei assim,
Com uma mulher e uma filha
Em viagem a passeio,
Em festas de família moralmente cristã.
Melhor que seja assim...
Mas de todo modo busco incessante a luz,
De todo modo não vou ser moído
Pelo sistema, seja ele qual for.

Nunes

Consciência tempo e espaço


Resultado de imagem para trança

Tranças 

Um momento de consciência
não tem tempo presente,
passado ou futuro...
é por si mesmo todos os tempos
e fatos que se entrelaçam
feito corda ou trança de cabelos.

Viver o instante anula a importância
que damos a qualquer acontecimento,
quando sentimos que não é esse o momento
para qualquer outro fato
a não ser este que ocorre agora,
porém, a consciência não se prende
a qualquer fato quando sentimos que a consciência
transcende a própria existência física de nosso corpo.

A mente se cala quando se depara
com a consciência que transcende
tempo, espaço e forma.

Quando fixamos os olhos da consciência
no que chamamos de tempo,
ele deixa de existir,
feito um espectro em uma casa assombrada,
e se torna fatos dentro da eternidade que trançam
o que chamamos de tempo presente, passado e tempo futuro.

Não estou destinado a nada...
essas paredes, esses moveis e tantas outras coisas fora de mim
e mais tudo que existe, entre as coisas e as pessoas
que com as quais tenho um contrato social
e um laço sentimental e de sangue cármico...
mas esses fatos  são de longas dadas
e se estendem muito além desse plano,
porém, para a consciência desse instante
esses fatos são todos vazios de sentido
porque a consciência se estabelece nesses exato instante
de mente vazia aqui no plano físico,
no entanto, nesse momento pode ir
para muito além do que chamamos de tempo e espaço. 

A consciência manifesta na ausência do pensamento
que é sempre, passado, futuro e presente,
estão compreendemos que não é preciso tempo
na mente para que tudo se processe no seu devido momento.

Nunes   


O Cristo velho e crucificado

Peço aos céus
que se abrem feito uma tela de cinema
onde aviões perseguem pássaros negros
senhores dos do ares.
Onde enlouquecidamente desfilam
As marcas de produtos
que fazem os status do mundo moderno.

O Cristo aparece no céu,
Um Cristo envelhecido
e ainda vivendo a agonia da crucificação
e coroado de espinhos,
o Cristo me estende a mão
tento tocar a mão do Cristo,
não alcanço aqui do chão...

O líder da grande potência mundial
me diz que ninguém me chamou para nada nesse mundo...
não posso discordar!

Ainda no vilarejo um Mestre
me diz sobre a arte de lutar
e voar sobre o campo de batalha.

Nunes 

Não caminho mais sozinho



Não caminharei mais sozinho

Nessa noite eu suspirei por ti
E vieste caminhar comigo.

Tudo me é estranho
Quando não posso lembrar de ti,
Quando não sinto o seu amor,
Agora eu sei que nunca deveria
Ter te deixado.

Eu só posso ver o mundo
Através do seu olhar amoroso,
Eu só posso conceber a vida
Com a sua palavra  de bondade e amor.

Eu não te peço nada mais,
Porém é  tudo, e me faz grande
E o mais humilde e honrados dos homens.

Eu nunca deveria ter te deixado,
Eu te amo e respiro através de ti,
Eu suspiro por momentos contigo.

Tudo que eu te peço
E que me pegue pelo braço,
Me encoste no teu seio,
Para que eu nunca mais
Caminhe sozinho nesse mundo.

Nunes



Um Cavalo de Troia dentro da Igreja

Resultado de imagem para um cavali dentro da igreja

As teorias estranhas ao cristianismo
Que estão dentro das igrejas,
As ideologias que desejam a destruição das igrejas,
Por tanto, que se fazem de amigas do Cristianismo,
Entram nas igrejas como cavalos de troia,
Presente de Grego
E vem corroendo e destruindo o Cristianismo
De dentro para fora,
Feito uma doença colocada nas entranhas,
Feito um bomba química implantada
Dentro das igrejas e do cristianismo.

Tem um enorme Cavalo de Troia dentro das Igrejas,
Presentes das teorias que desejam a destruição do Cristianismo,
Porém se fazem companheiros e amigos.

Nunes 

Os presentes de gregos através dos discursos...


Resultado de imagem para presente de grego


Metalinguística para estudar a língua,  tudo bem!

Agora:

Hipocrisia para combater a hipocrisia dos outros,

Preconceito para combater o preconceito dos outros,

Construção de conceitos para destruir a estrutura dos outros,

Construção de direitos para tirar os direitos dos outros,

Demagogia para explicar a demagogia dos outros,

Etnocentrismo para combater o etnocentrismo dos outros,

Autoritarismo para combater o autoritarismo dos outros,

Ódio aos diferentes para defender as diferenças,

Relativismo para se nivelar o sagrado e o profano,

Nivelamento para justificar o mal,

Conservadorismo para destruir o conservadorismo dos outros....

Fazer-se amigo para destruir o inimigo,

Imposição da liberdade para combater a liberdade dos outros.

As teorias se tornaram o Grande Cavalo de Troia,
Entram nas igrejas, nas amizades, nas instituições e nos grupos
Feito um presente de grego
E destrói de dentro para fora.

As teorizações caíram em um
Silogismo relativista, moldável e nivelador,
"Santificador" de todas as coisas...
Para assim impor e sobressair.

Nunes