Poesia espiritualista: A segurança de touro

“Não acumuleis para vós outros tesouros sobre a terra, onde a traça e a ferrugem corroem e onde os ladrões escavam e roubam; mas ajuntai para vós outros tesouros no céu...”.

"Mas ajuntai tesouros no céu, onde nem a traça nem a ferrugem consomem, e onde os ladrões não minam nem roubam." Mateus 6

Tesouros do Céu

Meus tesouros da terra,
Minhas razões de viver:
A segurança de touro
Não está no dinheiro,
No luxo, na mesa...
No prazer, no perfume...

A verdade diz que a segurança está no imperecível...

Meus tesouros do céu,
Minhas razões de viver:
A segurança de touro
Está na alma virtuosa,
Nos tesouros do céu,
No espírito, na imortalidade...

Saturnino Queiros

J.Nunez  

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Movimento Solar

Guerra biológica cibernética

No diagrama de Venn