Pesquisar este blog

sexta-feira, 9 de julho de 2021

Uma matéria de som

 A música se compõe de som,

o silêncio se compõe de som,

se nada existisse existiria o som

o som é a primeira matéria que compõe o universo.


O espaço é o universo que se expande,

dentro do espaço que expande não existe vácuo,

porque o som é a matéria essência de tudo que existe.


Se nada existisse tudo viria a existir

porque o nada é a condensação de tudo

que existe ou que pode um dia vir a existir,

o nada é o som de si mesmo.


O som existe feito matéria infinitamente condensada ou expandida,

Se nada existisse existiria uma partícula de som

que se expandiria  infinitamente feito uma parede 

que existe enquanto se cria e cria espaço.


O universo é o espaço que expande e se cria enquanto expande 

feito uma parede, uma corda  de violão que se move e cria o som

e o som está na matéria e no espaço. 


Se uma nova partícula do som e do nada

surgisse como ocorreu na origem de tudo,

e expandisse sobre essa realidade já criada,

essa realidade não seria essa realidade espelhada.  

Se nada existisse existiria um partícula condensada de som.

O som existiria se nada existisse

e nada existia antes do som

porque o som existe por si só. 

O nada não existe, o vácuo não existe

porque o som existe é e a primeira matéria que compõe o universo. 


Tudo vai a essa unidade e tudo retorna a essa unidade, o som.

Tudo mais surgiu por desdobramentos mecânicos, instintivos, inconscientes, conscientes.

E tudo ficou abaixo das leis que regem a criação

Para que nada do que foi criado se perca.   

Nunes 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

COMPARTILHAR